sexta-feira, 6 de março de 2015

Bispos referenciais da juventude avaliam atividades da Comissão





Com a proposta de avaliar o quadriênio 2011-2015, a Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB reúne-se com os 18 bispos referenciais da Juventude nos regionais, de 4 a 6 de março, em Brasília (DF).

Durante o encontro, os bispos aprofundam o projeto dos “300 anos de bênçãos: com a mãe Aparecida, juventude em missão”, que integra as comemorações dos três séculos da aparição da imagem da padroeira do Brasil.  
A reunião conta com assessoria do reitor do Centro Universitário Salesiano (Unisal) de São Paulo, padre Ronaldo Zacharias, que fala sobre o tema “Como os jovens veem a Igreja e como a Igreja deve dialogar com os jovens a respeito da afetividade e sexualidade”.
A Comissão para a Juventude prossegue com a reunião até amanhã, 6.

Com informações dos Jovens Conectados. 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Reflexão

Todas as pessoas costumam falar em justiça ,mas para a maioria delas o fundamento dessa justiça são princípios e valores humanos, principalmente o que está escrito nas leis. Para nós cristãos, esse critério não é suficiente para entendermos verdadeiramente o que é justiça. Não é suficiente em primeiro lugar porque nem tudo o que é legal, é justo ou moral, como por exemplo a legalização do divórcio, do aborto ou da eutanásia. Também devemos levar em consideração que todas as pessoas, embora sejam seres naturais, possuem um dom de Deus que faz delas superiores à natureza, participantes da vida divina, e como Deus é amor, o amor é, para quem crê, o único e verdadeiro critério da justiça

CNBB - Imprensa