sábado, 11 de setembro de 2010

Panqueca light de queijo minas



Você vai querer estar sempre de dieta com receitas como esta

Ingredientes para a massa
1 colher (sobremesa) de Azeite de oliva
2 xícaras (chá) de leite desnatado
1 xícara (chá) de farinha de trigo
3 ovos
sal

Ingredientes para o recheio
400 gramas de Queijo Minas Light
½ lata de Molho de tomate

Modo de Preparo
Bater os ovos, com o leite, a farinha de trigo e o sal no liquidificador. Esquentar o azeite de oliva em uma frigideira rasa. Adicionar uma porção da massa (aproximadamente 5 colheres de sopa) para fritar. Com uma escumadeira, virar a massa, para dourar dos dois lados. Reservar as panquecas. Recheio: Cortar o queijo minas light em fatias grossas. Rechear cada panqueca com 1 colher (sopa) de molho de tomate e uma fatia de queijo e enrole-as. Colocar em um refratário e cobrir com o molho de tomate. Levar ao forno pré-aquecido por cerca de 20 minutos, para derreter o queijo. Servir em seguida.

Dica
Enfeite
o prato com manjericão ou salsinha.
Receita cedida por Laticínios Tirolez

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Reflexão

Todas as pessoas costumam falar em justiça ,mas para a maioria delas o fundamento dessa justiça são princípios e valores humanos, principalmente o que está escrito nas leis. Para nós cristãos, esse critério não é suficiente para entendermos verdadeiramente o que é justiça. Não é suficiente em primeiro lugar porque nem tudo o que é legal, é justo ou moral, como por exemplo a legalização do divórcio, do aborto ou da eutanásia. Também devemos levar em consideração que todas as pessoas, embora sejam seres naturais, possuem um dom de Deus que faz delas superiores à natureza, participantes da vida divina, e como Deus é amor, o amor é, para quem crê, o único e verdadeiro critério da justiça

CNBB - Imprensa