sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Baião de Dois

Uma receita que vai muito além do simples feijão com arroz

Ingredientes

1 kg de feijão já cozido em água e sal
1 Kg de arroz já cozido, como você gosta
2 cebolas picadas
1 pimentão verde, vermelho, amarelo picados em cubos
4 tomates picados sem pele e sementes
4 dentes de alho picados
coentro a gosto
queijo coalho em cubos
óleo o quanto baste
10 pedaços de filé-mignon
Sal e pimenta a gosto
30 g de amendoim triturado

Preparo
Numa panela coloque 4 colheres de (sopa) de óleo, a cebola, o alho, os pimentões e os tomates, refogue por 8 minutos sem deixar amolecer, reserve . Coloque o queijo de coalho, misture o arroz, o feijão e o coentro, reserve. Em outra panela, coloque um pouco de óleo, sele o filé temperado com sal e pimenta, se preferir comer quente sirva de imediato. Em um prato colocar o baião e o filé-mignon, polvilhar com amendoim ou castanha de caju.

Receita cedida pelo restaurante Na Cozinha 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Reflexão

Todas as pessoas costumam falar em justiça ,mas para a maioria delas o fundamento dessa justiça são princípios e valores humanos, principalmente o que está escrito nas leis. Para nós cristãos, esse critério não é suficiente para entendermos verdadeiramente o que é justiça. Não é suficiente em primeiro lugar porque nem tudo o que é legal, é justo ou moral, como por exemplo a legalização do divórcio, do aborto ou da eutanásia. Também devemos levar em consideração que todas as pessoas, embora sejam seres naturais, possuem um dom de Deus que faz delas superiores à natureza, participantes da vida divina, e como Deus é amor, o amor é, para quem crê, o único e verdadeiro critério da justiça

CNBB - Imprensa